top of page
  • Foto do escritorLuiza Oliva

Nichos, os queridinhos dos banheiros

Eles podem receber pedras naturais ou os mesmos revestimentos das paredes do banheiro. Podem ser esculpidos ou trabalhados com prateleiras sobrepostas. Conheça aqui ótimas soluções para os funcionais nichos


Dificilmente um banheiro novo ou reformado não tem um prático nicho no box para acomodar sabonete, xampu, condicionador e inúmeros produtos para o banho. A arquiteta Mari Milani, @marimilani_arquiteta, costuma projetar nichos com pelo menos 30cm de altura, “para caber xampus mais altos”, diz. Ela recomenda uma profundidade mínima de 8cm, lembrando que a profundidade ideal é de 15cm. “Mas tudo depende da profundidade da parede. E quanto a largura, varia conforme o tamanho do box. É ótimo quando conseguimos utilizar a parede inteira, fica maravilhoso”, conta Mari, que indica pedras naturais ou artificiais para revestir o nicho, ou ainda o porcelanato.



No banheiro de um garoto, Mari Milani usou revestimento azul no piso com paginação espinha de peixe, o mesmo utilizado no nicho, completando o projeto com metais pretos e base cinza. Fotos @marianacamargo_foto


Para a arquiteta, se a opção de revestimento for por pedra, deve ser seguida a mesma linguagem do restante do ambiente, por exemplo, utilizando a mesma pedra na bancada, na baguete do box e dentro do nicho. Da mesma forma, pode-se repetir no nicho o porcelanato das paredes e piso, ou somente dentro do nicho destacar um outro revestimento colorido, por exemplo. Mari Milani lembra de um detalhe importante: fazer o nicho com um leve caimento para fora, para que não acumule água. Quanto a iluminação, ela recomenda a fita de led com IP65, resistente a jatos de água. 


Na sofisticada sala de banho, projeto da arquiteta Mari Milani, o nicho ocupa toda a parede, dando ainda mais elegância ao projeto. Foto: Erika Urbino @afotografaerika




Nicho iluminado com fita de led resistente à água, no banheiro de Mari Milani. Fotos Erika Urbino @afotografaerika



Delicado e moderno



No banheiro das meninas, da arquiteta Ana Toscano, combinação perfeita de revestimentos. Fotos @juliaribeirofotografia



Na reforma deste apartamento de 178 m2, para um casal com duas filhas, de 12 e 14 anos, a arquiteta Ana Toscano @anatoscanoarquitetura buscou criar ambientes aconchegantes, claros e funcionais. Os banheiros tiveram mudança completa de revestimentos, bancada, iluminação e marcenaria. Foram criados nichos nos boxes, esculpidos e depois acabados com o próprio revestimento. 

No banheiro das meninas, o box recebeu duas cores do mesmo revestimento: Terralma Noronha nas paredes e Terralma Sardenha apenas dentro do nicho (ambos Portobello, da PortobelloShop Brooklin). Metais e box em preto trouxeram modernidade ao ambiente. A bancada foi feita em quartzo branco, a cuba é Deca e a marcenaria em lâmina natural de madeira com ripas delicadas, da Sta Cruz. Box e espelhos Luglass e iluminação Lablu.



Unidade no banheiro



Revestimento em meia parede no banheiro e em todo o box com o mesmo Terralma Mandacaru da Portobello. Fotos @juliaribeirofotografia


No banheiro do escritório e visitas, @anatoscanoarquitetura trabalhou com o revestimento verde Terralma Mandacaru (Portobello) dentro do box e na extensão dele em meia parede por todo o banheiro. O nicho também ganhou o mesmo revestimento. Outro destaque deste espaço é a barra feita sob medida, em serralheria preta, pela Serralheria Artefatos Engenharia Metálica, instalada em toda a parede da bancada, servindo também como porta-toalhas.



Bicolor!



Delicadeza e jogo de cores no banheiro para uma menina de três anos. Fotos @juliaribeirofotografia



O jogo de cores dá charme a esse banheiro de uma menina de três anos. As cores preferidas da mãe, rosa e azul, estão presentes em todo o projeto da casa, feito pela arquiteta Ana Toscano @anatoscanoarquitetura, e inclusive neste banheiro. O gabinete e o armário superior, da Marcenaria Santa Edwiges, são em laca rosa, com cavas quadradas em madeira freijó.


O destaque fica por conta do revestimento azul que sai do box e se estende por trás da bancada da pia. Dentro do box, meia parede azul e o restante amarelo claro, até no nicho esculpido. Revestimentos Pavillon Outremer Pale e Pavillon Blanc Ivoire, da Portobello (PortobelloShop Brooklin), box Luglass, iluminação Labluz e metais Docol. Instalação dos revestimentos e nicho esculpido da Lab88. No piso, Twist Fog Portobello (PortobelloShop Brooklin).



Prateleiras no lugar do nicho


Piso e paredes com revestimentos da Colormix, e prateleira em quartzo branco ocupando toda a parede da janela. Foto: @giselerampazzo



No outro banheiro, a prateleira ocupou a parede lateral do box. Piso e meias paredes no parcelanato da Colormix e revestimento verde água da Portobello. Foto: @giselerampazzo



Neste apartamento com alvenaria estrutural, a arquiteta Mariana Rasslan, do @studiomobydick, optou nos boxes pelas prateleiras em quartzo branco no lugar dos nichos. “Nas paredes estruturais não podemos fazer nenhuma intervenção”, explica Mari. A alvenaria estrutural consiste em um sistema construtivo onde as cargas que atuam no edifício se distribuem ao longo do plano da parede, por isso as alterações podem colocar em risco a estrutura do imóvel. Em um dos banheiros a prateleira ocupa toda a extensão da parede da janela – o piso e as paredes receberam revestimentos da Colormix. No banheiro da suíte a prateleira ocupa a parede lateral do box - o revestimento em meia parede verde água é da Portobello e no piso e meia parede inferior revestimento da Colormix.


Feminino e sofisticado


No banheiro feminino, revestimentos claros, metais bronze escovado e nicho com acabamento em pedra. Foto: @monicaassan



No banheiro projetado pela @compondoarquitetura, dos arquitetos Vivian Tonglet e Cláudio Helzel, a parede da janela ganha destaque com o revestimento Portobello Gouache em dois tons. O piso e as outras paredes são em porcelanato Bianco Covelano da Portobello. O nicho do box é arrematado na parte superior e inferior com mármore branco prime. 



Tudo em porcelanato



O banheiro é todo em porcelanato em réguas da Portobello. O nicho tem o mesmo revestimento, dando unidade ao projeto. Fotos @juliaribeirofotografia



Neste apartamento de 70 m2, a arquiteta Ana Toscano @anatoscanoarquitetura transformou o antigo quarto de serviço no banheiro do casal. E o antigo banheiro do casal virou um closet. Elegante, o banheiro tem bancada em mármore com cubas esculpidas da Ranieri, gabinete em madeira da Marcenaria Santa Cruz e todos os revestimentos Portobello, da Portobello Shop Brooklin. As paredes são em réguas de porcelanato cortadas no mesmo revestimento da Portobello. Arandelas Labluz, metais Deca e espelho Ondo.













82 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Comments


bottom of page